sexta-feira, novembro 25, 2005

Crónica do Racional: "Karma’s a bitch!"

Embora tenha genuína pena do 0-0 do Benfica, ante-ontem, após 2 dias de formação na cidade dos Templários, apetecia-me gozar com facto do Koeman ter inventado uma nova tática que fez rebolar o inventor do “catennacio” de inveja: o inédito 6-2-1-1.

Esta inovadora tática podemos denominar de “Pinheiro de Natal”ou de “Mário Wilson Invertido Encarpado”...enfim, não sei porque o Benfica foi jogar para não perder, afinal jogava em casa, ou melhor “sur maison”...pois é, o Benfica foi a primeira equipa da história da Champions a ter 4 jogos em casa na fase de grupos.

Cumprindo-se a actividade nocturna favorita do bairro de St.Denis-sur-Seine, onde fica o Stade de France (vão ao Google Earth?), o pinheiro do Benfica, como muitas “banholes” do bairro, ardeu à custa duns magrebinos e senegaleses...ok, esta foi baixa...bom, o estádio estava mesmo cheio se chamassem o Guiness Book, de certeza que três recordes caíam: “Maior concentração de tipos com bigode”, “Maior concentração de casacos de napa” e finalmente “Maior concentração de gajos que trocam os “esses” por “xises””.

Queria também elogiar o golaço do meu estimado Lisandro, queria enaltecer a qualidade do tango azul-e-branco, mas os tipos lá se deixaram empatar infantilmente e é o quase-adeus europeu...o karma fez-se pagar 24 horas...

Como assisti à desgraçada partida na zona de restauração do hipermecado com nome de avião com nome de elefante, no intervalo fui passear à zona dos CDs, desenterrei daquelas cestas de liquidação o da menina Kelis por €4,90...a música ainda não ouvi toda, mas a capa é gira, na contra-capa a menina é servida num “sundae”, ao abrir o booklet encontro isto:


Bravo!!! Que se dane a música, os €4,90 já valeram a pena.

Ps: Ela, a Kelis, não coube toda no scanner. Sacrifiquei o braço esquerdo em favor das pernas. Penso que fiz bem.

0 Comments:

Publicar um comentário

<< Home