segunda-feira, setembro 19, 2005

Crónica do Racional: "Ich bin ein Berliner!!!"...

...dizia JFK em tempos idos, pois eu agora exclamo:
“Eu sou um sportinguista!!!”

Não, eu continuo a ser adepto do FCP, sou “sportinguista” no sentido da definição moderna do termo, isto é:
Sportinguista: adepto sofredor da equipa que melhor futebol pratica no campeonato.

Essa equipa este ano é o FCP, os resultados são assim-assim, como se viu em Braga e em Glasgow, mas o futebol praticado é de encher o olho, rápido, muito rápido...tipo Barça ou Ajax do inicio dos anos 90...confesso que estou encantado com o misto de samba e tango que se vê do meio-campo para a frente...só falta um tipo que as meta lá para dentro mais vezes...e que a defesa não leve tantos banhos turcos...



E, tranças e cabeleireiras à parte, também sou grande fã do “velho” Co Adriannse, enquanto se aguentar por cá, porque já arranjou inimigos suficientes...só por dizer umas verdades. Vejamos algumas das afirmações da semana passada, que indignaram meio país:

“Essa pergunta é estúpida...” – é verdade, quem conhece o calibre do jornalismo desportivo português, certamente não fica admirado.
“Essa pergunta também é estúpida...”- é verdade, nem se admirará que aconteça uma segunda vez, ou várias, na mesma conferência de imprensa.
“Os jogos do campeonato português são aborrecidos...” - é verdade, pois são.
“Um jogador do campeonato só ser suspenso ao 5º amarelo e depois limpar a ficha é uma vergonha, um incitamento à violência...” – é verdade, mais uma vez, pois é.
“Suspender o McCarthy foi uma decisão fácil, apenas apliquei os regulamentos do clube, não me interessam os nomes, ou quanto ganham, os regulamentos são iguais para toda a gente...” – é verdade, e simples, ouviram senhores dos tribunais?
“Que país é este em que em Setúbal estão mais pessoas penduradas nas varandas dos prédios circundantes, do que no estádio em si mesmo, a ver o jogo?”...bom, eu respondo: é um país de tesos e, na cidade em questão, de desempregados, onde os bilhetes são caríssimos, mesmo para ver um espectáculo de fraca qualidade.

Bem, mas esse pecado das varandas até eu cometi, no Naval-FCP, (aliás o Fisterra fez o pleno), ao constatar que me sai mais barato ir ver o FCP-Naval no Estádio do Dragão a 120km de casa , do que ir ao estádio José Bento Pessoa, ali, a 200 m.

Voltando ao Co, espero é que ele perca aqueles tiques do saudoso Mário Wilson, já que acabou o jogo em Braga num inédito 3-2-3-2. Penso que o recorde do “velho capitão” em termos de táctica kamikaze, foi um 2-2-2-4, quando, há uns anos, o Benfica já perdia em Munique por 3-0 com “hat-trick” do Klinsmann...aliás nesses tempos elogiava-se a coragem de alguém, aludindo ao tamanho da genitália do Sr.Wilson.

No fundo, só espero que os resultados não sejam apenas morrer na praia como no Sporting...que raio, este ano, o brasileiro desconhecido que veio do Marítimo até é bom!!!...o próprio César Peixoto aprendeu a centrar e marcar livres e tem alegria de jogar!!!...muito por culpa da noiva sportinguista (que podem desfrutar abaixo), mas prontos...o Diego até joga!!!...o Sokota lesionou-se!!!...o Areias foi jogar de xadrez!!!...o Octávio está na política!!!...o Peseiro continua!!!....o Koeman continua!!!...com tanto a favor, temos de, num ano assim, ser campeões...e já agora, se não for pedir muito, 3-0 ao Chelsea na final da Champions!!!

Ps: Jq, sei que que concordámos em manter este blog decente, mas a foto acima, chama-lhe...será, digamos, um marco de regojizo pela 2ª milena de visitantes...além disso, sugeri lá em cima que o SCP, era a equipa que melhor futebol jogava o ano passado, por isso, não digas que vais daqui...

2 Comments:

Blogger Jq said...

Apesar da ilha da Madeira ter surripiado três pontos em seis ao único sério candidato ao título que marcou golos em todos os jogos da liga “betadine” (http://www.brucemedical.com/fr-2135-80.html) - indicador aliás utilizado pelo treinador semi-finalista da taça UEFA do ano passado para aferir a qualidade de um jogo de futebol – creio que este post merece umas breves correcções.

Creio que na colecção de estilos de dança mencionados para ilustrar o ataque tripeiro faltará um reggaeton (“muita parra pouca uva”, “parece que me estou a mexer mas não saio do mesmo lugar”) que a quinze minutos do fim culmina numa gitanada recheada de solos flamencos. E essa do melhor futebol do campeonato (tá boa, sim senhor!) só percebi depois de me recordar que só vês jogos do FCP (e mesmo assim, olha que a Naval...hehehe).

Quanto à facilidade com que o tal semi-finalista do ano transacto aplica os critérios disciplinares, apraz-me constatar que é directamente proporcional à velocidade com que esses mesmos critérios se desvanecem assim que os outros pontas de lança do plantel se lesionam ou o “mister” percebe que isto de ter alguém que marque golos sempre dá outro colorido ao espectáculo – o famoso movimento “chocholosa” à moda do Porto (“entra McCarthy, pá – trocos uns golitos por umas missangas de Vigo”).

Bom, por último, felizmente que nunca chegaremos às cinco mil visitas, senão “abririas o livro” e passaríamos a contar, em tom de celebração, com uma nova coluna de “links” aí do lado direito; qualquer coisa com um título do género “gajedo” ou “os sites aqui do papá”. Tenho contudo ainda algumas esperanças de que consigas enclausurar a galinácea por mais uns meses (se bem que depois de vislumbrar a imagem publicada me sobressaltei com uma a seguinte dúvida: qual será o sector da “gamebox” da senhora?).

11:31 da manhã  
Blogger Jaf said...

Esqueceste de dizer que a 15 minutos do fim também costuma entrar a "marcha do vapor" para ponta de lança...

12:10 da tarde  

Publicar um comentário

<< Home