segunda-feira, maio 26, 2008

A cara melancolia...

No sábado cheguei a outro ponto baixo na minha existência. Abortei mais uma saída à noite devido à intempérie e à falta de companhia.

Dediquei então a soirée a assistir à votação do Festival da Canção da Eurovisão. Apesar de quase ficar cego de tanto cetim e brilhantes ainda consegui perceber que o o 13º lugar de Portugal foi brilhante, pois ficou atrás apenas dos países do gangue da ex-URSS, atrás apenas dos países do clã dos balcãs, atrás apenas do melhor do lobby nórdico e apenas atrás da Grécia que apesar de não afiliada (talvez com metade de Chipre?), apresentou uma mula a concurso, de duas patas, entenda-se.

Música não ouvi graças a Deus, muito menos a consagração da Rússia.

Os fins-de-semana cujo programa consiste em doses industriais de TV e uma ida ao supermercado para comprar iogurtes magros tém sido uma constante.

Quando existe o feriado nem TV tenho pois, ao ligá-la, sou bombardeado com o Roberto Leal a ler a mensagem de incentivo do Lula ao Scolari num gesto de orgulho português, ou faço zapping e levo com o Claudio Ramos a adjectivar o namorado da irmã da Princesa Leticia. Adio o pequeno-almoço, não me vá cair mal.

Tive de tomar medidas.

A minha mãe quando deprime compra inocentes "tupperwares", como ela diz, eu faço o mesmo mas mais em estilo. Computadores, máquinas fotográficas, etc. Desta vez foi isto:

Já está na garagem. Exactamente nesta cor.

Alguém arrisca advinhar quantos kms vou fazer nela?

Ps: Feliz post 499!!!

2 Comments:

Blogger Paula Joana said...

E este sábado a culpa foi minha e devido a agitação constante rendi-me ao sofá e à tv.temos de compensar esta falha.bjs

7:14 da tarde  
Blogger Jaf said...

sim sim vou-te mandar a conta da bicicleta.

bjs

9:54 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home